Recorde Mundial de Paratrike solo

 

 

 Cesar 02a

(Fotógrafo: Flavio Rocha)

Desafio é o que move pilotos paranaenses em busca de nosvos recordes, Cesar Medeiros Piloto de Paratrilke bate recorde Mundial de distancia em circuito fechado (triangulo FAI)  na modalidade.

O recorde Foi estabelecido no dia 11/06/17, o piloto decolou as 8:12  de uma grameira em Tijucas do Sul PR e após voar por mais de 5 horas em um triangulo FAI, pousou no mesmo local as 13:18h.

O track logo do voo está no XC Basil ---> http://novo.xcbrasil.com.br/flight/262298

 

Cesar conta aí pra nós como foi!

 

"Bom galera...esse record já estamos namorando faz tempo, na verdade a uns 2 anos....O mais difícil foi acertar a condição perfeita, a região de Curitiba é complicado, e ainda tinha que cair no final de semana.... No dia 14 de abril de 2017 decolamos para a primeira tentativa, pra fazer o maior triangulo FAI já registrado no Brasil, decolamos, eu, Alan Braga e Samuel Rocha, Samuel teve um problema com as polias na primeira perna, onde pousou em segurança, eu e Alan Seguimos e concluímos o voo, um pouco mais de 3 horas fizemos um triangulo de 150 km. Ficamos muito felizes e esse já foi registrado como recorde Brasileiro e já pensando que dava pra fazer um maior.
A partir desse dia ficamos de olho na previsão.

No dia  23/04 fizemos uma tentativa do Mundial, mas não deu pra homologar pois a camada de núvens nós forçou a invadir o espaço aéreo, entrei alguns metros na TMA de Curitiba, camada de nuvem só aumentava sua altitude e eu ia subindo junto, GPS desligou repentinamente sozinho. Concluí o voo más não podemos homologar.

A condição só apareceu de novo  em um domingo, 11 de Junho de 2017, começamos a preparar tudo, convidamos nossos amigos pra voar juntos, a maioria estavam inscritos no Campeonato Brasileiro que aconteceria em União da Vitória PR e não poderam ir voar no dia 11 até para preservar os equipamentos, então Ficou eu e o Paulo Seabra. Preparamos tudo, Tanque reserva, combustível, levei 2 GPS, a previsão indicava muito frio, então já preparei roupas adequadas.
Chegamos na Grameira em Tijucas do Sul, a grama branca de Geada, estavam lá, Eu, Paulo Seabra, Luciano Lulu e Guilherme Seabra, ambos pilotos e fariam nosso resgate, também estava o observador FAI.
Comecei a me preparar para decolagem, demoro um pouco pra me ajeitar, depois de tudo ok, vou dar a partida no motor e o danado não pega, ficamos uns 20 minutos tentando, eu já estava suando frio, adrenado, aí o Luciano identifica que o Problema era o Cachimbo da vela, o Paulo por sorte tinha um no carro dele, instalamos e o motor 4 tempos pegou de primeiro, ufa! 
Decolei, tranquilo de primeira e segui para o voo. Ainda Adrenado, decolei com os trimmer liberados, voando a 48 km/hora, liguei o Rádio na CBN, começou a a falar de política mudei para a próxima rádio 98 FM tava tocando “vc partiu meu coração” (Anitta e Nego do Borel), kkk aumentei o som no Último volume e foi assim até o fim do voo, de vez em quando baixava o volume pra ouvir o som do Motor.
Primeira perna Tranquilo, voo lisinho, parecia que tava na praia, a segunda perna também, e a última perna, por volta das 11:30 comecei a sentir as primeiras térmicas, nada de assustador.
Faltando uns 30 minutos pra chegar no final do voo comecei a ver as mensagens no whatsapp a galera toda comemorando, estavam acompanhando o voo via SPOT, tbm comecei a comemorar o Paulo já tinha pousado ele me passou já na metade da primeira perna, aí foi só alegria, comemoração até o Pouso.
Agradecimentos a todos os amigos que acompanham nossos voos.
Dados do VOO:
data: 11/06/17
Paratrike Motor CB300
Vela: DoubleFly: ONIKA
GPS: LK800 Beta Android
Combustível: 5 l/hora (gasolina comum)
Capacete Flytec
Radio: Baofeng UV-B6
Horário decolagem: 8:12
Horário Pouso: 13:18